Lóbulo bífido: como corrigir o aspecto da orelha rasgada

 

O lóbulo da orelha, região onde são colocados brincos e alargadores, é formado apenas por gordura e pele e, por isso, é comumorelha rasgada o que fazer que ele se estique ou até rasgue, seja pelo uso de brincos, alargadores ou por um acidente, dando origem ao chamado lóbulo bífido, que necessita de correção cirúrgica. “A cirurgia do lóbulo bífido é muito eficaz e recupera a integridade da região”, afirma o cirurgião plástico Dr. Laertes Thomaz Junior.

 

O procedimento que corrige o lóbulo bífido é muito simples, feito com anestesia local, e dura cerca de 30 minutos. A recuperação da cirurgia é muito rápida e, em aproximadamente sete dias, podem ser retirados os pontos de sutura.

 

Causas do lóbulo bífido

 

Geralmente, o uso inadequado de brincos pesados, em conjunto com outros fatores, como reações eczematosas (alérgicas de contato) devido aos metais dos brincos, geram um trauma que, a longo prazo, “rasga” a pele  do lóbulo da orelha. Uma puxada acidental do brinco também pode alargar ou até rasgar a orelha.

 

O que evitar após a cirurgia no lóbulo bífido

 

A única recomendação após a cirurgia, além de ficar dez dias sem praticar exercícios físicos intensos, é aguardar pelo menos 60 dias antes de fazer um novo furo para a colocação de brincos. “Também não é indicado que se coloquem novos brincos sobre a incisão da cirurgia de correção do lóbulo bífido”, complementa Dr. Laertes.

 

Técnicas de reparação do lóbulo bífido

 

O procedimento de correção do lóbulo bífido pode ser feito por meio da zetaplastia, com incisão e sutura ou, ainda, com a técnica de retalho. “Tudo depende da avaliação do médico, mas o método mais simples é a incisão dos bordos da fenda no lóbulo, seguida de pontos simples”, completa Laertes.

 

Resultados da correção de lóbulo rasgado

 

Os benefícios desse procedimento já podem ser vistos após um mês da cirurgia, que é quando ocorre a cicatrização da região.